You are here: Light and Peace - Espiritismo > Artigos > Fora da Justiça Social não há Salvação

 
 

Fora da Justiça Social não há Salvação

 
 

Nossa luta por um movimento espírita progressista afirma um profundo respeito e um necessário compromisso em contribuir para se assegurar a dignidade de todos, repudiando qualquer tipo de preconceito e discriminação, dentro ou fora das casas espíritas, que se utilizam de argumentos pseudoespirituais (e pseudocientíficos também) para oprimir, violentar, excluir e estigmatizar. 

O espiritismo pode ter um papel fundamental na superação das intolerâncias, cumprindo sua missão de agente transformador, encampando discursos de acolhimento e amor, respeitando a diversidade, respeitando as orientações sexuais e identidade de gênero, combatendo o racismo, o machismo e apoiando a luta de classes.

Agindo assim, estabeleceremos uma sociedade mais justa e mais diversa, uma casa comum onde todos possam viver bem e tenham acesso aos seus direitos, livres de preconceitos e discriminações.

Kardec afirma na questão 803 do Livro do Espíritos: “Todos os seres humanos são iguais perante Deus? E a resposta é Sim, todos tendem para o mesmo fim e Deus fez as suas leis para todos/as. Dizeis frequentemente: ‘O Sol brilha para todos/as’, e com isso dizeis uma verdade maior e mais geral do que pensais”.

por Franklin Félix — publicado 23/07/2018 18h00, última modificação 23/07/2018.

Link: https://www.cartacapital.com.br/blogs/dialogos-da-fe/fora-da-justica-social-nao-ha-salvacao

 

No comments

Be the first one to leave a comment.

Post a Comment